7.7 C
Castro Verde Municipality
Quinta-feira, Fevereiro 29, 2024

Últimas Noticias

Somincor “lamenta morte de trabalhador” e diz estar “a colaborar com as entidades competentes”

A Somincor, empresa concessionária da mina de Neves-Corvo, confirmou hoje a morte de um trabalhador, residente em Castro Verde.

Na nota da empresa, lê-se que “a Somincor informa, com pesar, o falecimento de um trabalhador da nossa empresa, como consequência de uma queda de terreno isolada, enquanto operava um equipamento no fundo da Mina de Neves-Corvo”.

A concessionária do complexo mineiro alentejano, que é detida pelo grupo sueco-canadiano Lundin Mining, revelou que está a ser desenvolvida “uma investigação às causas do incidente” e que a empresa está “a colaborar com as entidades competentes”.Assinalando que lamenta a morte do trabalhador neste “incidente registado na mina”, a empresa indicou que “decidiu voluntariamente suspender as atividades” no complexo mineiro “até indicação contrária”.

“Neste momento de dor partilhada, a Somincor endereça à família do trabalhador e ao concelho de Castro Verde o testemunho do mais sentido pesar pela perda e a reafirmação da solidariedade com os familiares, com todos aqueles que trabalham na nossa operação e com as nossas comunidades”, pode ler-se também no comunicado.

Além disso, a empresa disse estar a “dar todo o apoio possível” à família do trabalhador que morreu.Em declarações à Lusa, também Hugo Vazeira, do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira (STIM) confirmou a morte do trabalhador, após a equipa de resgate ter chegado à vítima.

O trabalhador, de 42 anos, natural de Albernoa, no concelho de Beja, mas residente em Castro Verde, estava a operar “uma máquina giratória”, quando ficou soterrado, hoje à tarde, devido a uma derrocada ocorrida no fundo da mina, disse o sindicalista.

Rádio Castrense / com Lusa

Latest Posts

Não perder