6.7 C
Castro Verde Municipality
Quinta-feira, Fevereiro 29, 2024

Últimas Noticias

Vaga de assaltos causou semana de terror no distrito de Beja

De acordo com o Lidador Notícias, parceiro noticioso da Rádio Castrense, veículos, ferramentas de trabalho, máquinas e tabaco, dinheiro, presuntos e bebidas, foram bens furtados em várias habitações e estabelecimentos comerciais em vários lugares dos concelhos de Mértola, Moura e Beja.

A semana passada foi de pesadelo para as populações que se sentem inseguras e receosas por novas vagas de assaltos.

Na madrugada da passada quarta-feira, em Mina de São Domingos, concelho de Mértola, um restaurante e um talho foram os alvos dos ladrões. No estabelecimento de restauração rebentaram uma máquina e furtaram o tabaco e o dinheiro, enquanto que no talho foram levados vários presuntos. Mas os “amigos do alheio” não se ficaram por aqui e em Nossa Senhora das Neves, concelho de Beja, entraram numa sociedade recreativa e o alvo foi de novo uma máquina de tabaco, tendo sido levados os maços de tabaco, dinheiro e algumas bebidas.

Na madrugada do dia seguinte o alvo foi um restaurante e um café, em Moreanes, de novo no concelho de Mértola, localidade onde um supermercado e uma loja de artigos chineses, tendo sido estroncadas as máquinas registadoras e levados os valores monetários que estavam no seu interior.

Na madrugada de sexta-feira, a localidade visada foi a Amareleja, no concelho de Moura, onde foram arrombadas as fechaduras de quatro garagens, de onde foram furtados três automóveis, dois ligeiros de passageiros e um de mercadorias. De uma das garagens foram levadas as duas viaturas que estavam no seu interior e um terceiro veículo, levado de outro espaço, foi abandonado pelos meliantes e recuperado pela GNR que depois o entregou ao seu legitimo proprietário.

Fernando Lampreia, empresário do setor de tabaco com exploração de máquinas automáticas, foi o grande afetado com o entroncamento das máquinas de tabaco e o furto do maços e do dinheiro que estava no interior das mesmas. “Rebentaram quatro máquinas e entre a destruição e aquilo que furtaram do sei interior, o prejuízo ronda os 13 mil euros”, justificou ao Lidador Notícias (LN).

Militares da Investigação Criminal da GNR do Comando Territorial de Beja estão a investigar os furtos e perceber se há ligação entre eles, por forma a perceber se é o mesmo gangue que está a levar a cabo esta onda de assaltos.

Outra vaga idêntica há três anos

O empresário do tabaco recorda uma vaga idêntica que ocorreu há três anos na zona de Mértola: “rebentaram máquinas, levaram tabaco e dinheiro, Na altura houve um alerta à GNR, os indivíduos foram perseguidos e posteriormente detidos em Espanha. As máquinas e os bens apreendidos ficaram por lá, recebi algum dinheiro do seguro”, lembrou Fernando Lampreia.

Fonte: Lidador Notícias – Teixeira Correia

Latest Posts

Não perder